Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Folha em Branco

Folha em Branco

Ter | 10.09.19

Luna Lina - A Menina que Semeava Ecos

Hoje volto com mais um livro. "Luna Lina a Menina que Semeava Ecos" foi-me enviado em formato digital pelo próprio autor Júlio Alves.
Confesso que não estou habituada a ler em Português do Brasil e por isso as primeiras páginas forçaram-me a habituar a um ritmo diferente daquele que normalmente tenho com o Português de Portugal.
Apesar de ser um livro enviado pelo autor todas as palavras que se seguem são 100% honestas e em nada influenciada pelo facto de ser uma leitura "a pedido".
 
Então vamos lá...
Este livro é nos apresentado como sendo a história de um jornalista que encontra um pequeno diário impresso numa letra tão pequena que era impossível ler em auxílio da tecnologia. Este jornalista começa assim a conhecer Luna, uma jovem que acaba por ter de se tornar adulta mais cedo que as meninas da sua classe social. Quebrando barreiras sociais num Brasil onde a cultura do café estava ainda em alta.
É fácil o leitor perder-se nesta realidade curioso para conhecer o futuro da menina. 
O autor não nos apresenta uma grande história de amor, uma grande aventura, momentos épicos ou assustadores. Júlio traz ao mundo uma história bonita perfeita para ler ao fim de um longo dia, as palavras bem encadeadas levam-nos a relaxar e a viajar. A sua escrita fluída leva-nos a experienciar o livro como se de um filme se tratasse, consigo visualizar perfeitamente cada uma das personagens. Estas foram tratadas com carinho como se de pequenos filhos se tratassem, nota-se o cuidado do autor a desenvolver cada uma delas e as suas histórias únicas.
É um livro para adolescentes e adultos. Creio que as crianças não conseguem apreciar a subtileza de alguns detalhes aqui abordados.  

CAPA Luna-publicid.jpg

Título: LUNA LINA – A Menina que Semeava Ecos

Autor: Júlio Carlos Alves

Pontes Editores (independente)

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.