Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Folha em Branco

Folha em Branco

Seg | 16.09.19

Comic Con Portugal - A Coachella dos nerds antes do regresso às aulas

Terminou no passado domingo dia 15 mais uma edição da Comic Con Portugal com o seu segundo ano no Passeio Marítimo de Algés.

IMG_20190915_161518.jpg

Ainda não tinha ido a esta nova versão da Comic Con Portugal pelo que supunha apenas o estado das coisas. Ontem em primeira mão vi que as minhas suspeitas estavam certas e para minha infelicidade o estado era ainda pior do que pensava inicialmente. Fui ouvindo opiniões daqui e dali e as positivas têm vindo de pessoas que agora, para mim, perderam toda a credibilidade.

Cheguei à CCPT ainda de manhã, pouco depois das 10h. Já que ia para assistir ao concurso de cosplay aproveitei para lá passar o dia e ver o evento e tudo o que tinha para oferecer, pronta para me divertir e passar um dia com o namorado e amigos como faço em tantos outros eventos. Só tinha de "trabalhar" umas duas horitas por isso ENJOY!

Comecei pela zona da restauração... com muita variedade e filas... filas e filas que começaram ao almoço e se prolongaram até ao final do dia (ou então era eu que tinha muito azar e as via sempre que lá ia). Resumindo: acabei por comer apenas um hamburguer vegan ao almoço e beber um café e estive sem comer o resto do dia porque o calor que se fazia sentir tornava impossível aguentar estar naquela zona. Almoçar também o fiz de pé perto de um caixote do lixo numa das poucas sombras que encontrámos).

O concurso de cosplay... Com duas categorias foi uma agradável surpresa ver tantos cosplayers jovens a subir a palco. É sempre bom ver o futuro da comunidade a ir a palco e espero continuar a vê-los crescer e a arriscar em mais projectos e a ir a mais concursos quando a idade permitir. Por outro lado, mais de duas horas em cima da hora de almoço... Perdoem-me mas a técnica de encher chouriços do apresentador foi desperdiçada num concurso em que poucos props de palco eram permitidos. Foi também a primeira vez que vi tão poucos elementos num backstage. Se não vi mal era apenas a organizadora e o namorado. Alguns cosplayers levaram amigos e parece que foi isso que os safou caso contrário não sei como teria sido. Foi também engraçado ver os cosplayers internacionais meio perdidos... um deles ainda andava de um lado para o outro depois do concurso começar...

Era impossível aguentar no auditório que parecia ter o palco saído da Web Summit até ao fim a não ser que tivéssemos uma marmita connosco... mas pelo menos estava fresco.

Continuando no cosplay... a área de cosplay não era de todo aquilo que esperava. Meia dúzia de cadeiras e camarins sem portas. Não vi nos camarins mesas e aquela relva sintéctica ranhosa podia mesmo danificar alguns tecidos mais frágeis. Sentar no chão era doloroso a não ser que tivéssemos de calças (o que seria de loucos com o calor que se fazia sentir). Procurei por um SOS cosplay e encontrei... na área da Bernina!

Parece que este ano a organização achou que não era necessário este serviço pelo que alguns cosplayers recorreram à marca que prontamente disponibilizou alguns materiais. Claro que também umas dez cadeiras chegam para mais de 30 participantes... Óooooooooooobvio! 

Entrei em dois Heróis do Cosplay, enquanto participante, quando era ainda na Exponor e lembro-me perfeitamente de haver cadeiras para todos. Claro que um camarim para todos seria difícil mas pelo menos um local para as pessoas se sentarem enquanto esperam. Os cosplayers também tiveram de estar em pé a aguardar a sua vez de subir a palco o que é excelente quando estamos nervosos e com fatos quentes numa pequena estufa...

Ventoinhas também seria simpático mas hey quem é que precisa de estar fresco dentro de uma armadura de eva e worbla?

Já agora, parabéns a todos os vencedores de todas as categorias. Gostei muito dos vossos skits e em especial à cosplayer que vai representar Portugal, boa sorte para a próxima etapa.

Lojas... ou barraquinhas... a CCPT parece um festival medieval com tantas tendinhas brancas... ou ali a zona de artesanato das festas de Loures. Entrei em algumas lojas e logo desisti de tão quente. Decidi então ir à artists alley que é onde compro qualquer coisinha. Depois de entrar arrependi-me. As ventoinhas que existiam não conseguiam refrescar o espaço a abarrotar de gente e acabei por fugir na primeira porta que apanhei à minha frente... Consegui entrar novamente ao final da tarde quando boa parte das pessoas já tinham saído até porque as aulas começam hoje para os mais novos e segunda-feira é dia de trabalho para os mais crescidos.

Activações de marca... bebi uma Coca-Cola ao fim do dia, pronto. Tudo era ao ar livre e tudo tinha filas intermináveis além de não haver assim tanta coisa para ver e fazer. O Rock in Rio pelo menos tinha promotoras a aplicar protector solar nas pessoas. Eu levei o meu de casa e ainda andei a meter em algumas pessoas que corriam o risco de virar tomates ambulantes. Sombras escassas de uma forma geral e as temperaturas elevadas fazem com que este evento seja um perigo para a saúde. Não sei se as pessoas podiam entrar com protectores solares mas espero sinceramente que deixassem...

Sobre a barracada da miúda do Stranger Things nem falo, para isso podem simplesmente abrir as vossas redes sociais, acredito piamente que estão inundadas com a vergonhosa organização. Ó CCPT, era ÓBVIO que meio país queria ir ver a miúda!

Com o cair da noite a coisa melhorou e era possível andar no recinto e ver as coisas, claro que por essa altura a luz era escassa. Foi um bom sunset mas faltavam as bebidas e a música a acompanhar. Se fosse a Comic Con Sunset Party estaria perfeito.

 

Ser geek está na moda e a CCPT transformou-se num evento pipoca onde as pessoas vão em massa apesar dos preços absurdos que praticam. A Comic Con é um festival de Verão para miúdos onde só faltava o Panda... uma mistura de Coachella com nerds em que havia tanto cosplayers como miúdas em soutien (aquilo vende-se na secção de lingerie cachopas!"

É um evento familiar mas parece esquecer-se de coisas básicas como "sombras" para as crianças

Saudades dos tempos em que era em Matosinhos. Este formato assim não faz sentido algum nem tem condições.

 

Os memes nas redes sociais são muitos e vou partilhar aqui um pouco para que se possam rir.

Foi tudo mau? Não, a companhia foi boa e ainda conheci pessoas novas... todas elas estavam tão felizes como eu e nenhuma tem vontade de voltar enquanto este formato se mantiver.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.