Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Folha em Branco

Folha em Branco

Qui | 17.12.09

poema

Sentir o teu toque
na minha pele
Sentir a tua respiração
No meu pescoço
Sentir o bater do teu coração
com as minhas mãos
quando estamos juntos
mais nada existe
numas escassas sete noites
que temos em comum
nuns escassos oito dias
que desperdiçamos.
Tantos olhares disfarçados
Tantos beijos desejados
Mas jamais trocados
Tanta coisa oculta
Em brincadeiras
Em jogos perigosos
Que levam à tentação
Que levam à traição
Que levam a mostrar
Os verdadeiros sentimentos

 

Alexandra Rolo - Agosto 2009

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.