Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Folha em Branco

Folha em Branco

Ter | 20.01.15

8 razões para ler (livros a sério) - Resposta ao SOL

Screenshot_9.png

 

Esta semana o Sol publicou um artigo intitulado 8 razões para ler (livros a sério). De acordo com o texto, esta lista tem como base um outro artigo:

A Time decidiu fazer uma lista de oito razões para deixar os e-books, as sms, os chats e os comentários nas redes sociais e optar por livros a sério. Pode ser que lhe dê alguma motivação…

Vamos começar pelo início.

 

"livros a sério"
Estamos em pleno século XXI, não considerar um e-book como sendo um livro "a sério" é o mesmo que dizer que um website não é uma forma séria para distribuir notícias.

 

Os mais novos só querem saber das novas tecnologias e os adultos dizem que não têm tempo para ler (mas a verdade é que muitos vão no comboio ou no metro agarrados ao tablet ou ao smartphone e não a uma obra literária).

 

É verdade, hoje em dia é frequente ver nos transportes públicos pessoas agarradas ao tablet a jogar, mas também temos cada vez mais pessoas a utilizar e-readers (aqueles aparelhitos que só servem para ler livros) ou aplicações grátis para ler nos seus tablets.

 

Passamos então à lista das razões para deixar, e passo a citar: "os e-books, as sms, os chats e os comentários nas redes sociais e optar por livros a sério."

Então mas a ideia não é pôr a malta a ler? Porque é que estamos a retirar da equação os e-books?

"As pessoas que lêem são mais inteligentes"

Verdade... well mais ou menos. O facto de uma pessoa ler significa que adquire mais vocabulário e aprende a escrever e comunicar melhor. Os e-books também são escritos. Ler e-books faz as pessoas menos inteligentes?

 

"Ler faz bem ao cérebro"

De acordo com o artigo ler ajuda a estimular a memória. Decido acreditar nos senhores cientistas ainda que a minha memória não tenha melhorado nos últimos anos (em que aumentei o número de leituras). Acho que estou a ser repetitiva, mas aqui vai: porque é que ler e-books não conta? Faz mal ao cérebro?

 

"Tornamo-nos mais empáticos"

Nada contra o que está escrito MAS O QUE É QUE ISTO TEM A VER COM LER E-BOOKS!?

*inspira, expira* pronto estou mais calma.

 

"Folhear ajuda a concentrar"

Acredito que sim. Ter a televisão desligada, o telemóvel sem som, um local sossegado e o pc offline também ajuda sabiam?

 

"Pode ajuda a prevenir a Doença de Alzheimer"

Vou então supor que ler e-books não previne isto... ok.

 

"Ajuda a relaxar"

Aqui vou citar: “Não importa que livro lê. Ao ‘perder-se’ num bom enredo, consegue esquecer as preocupações do dia-a-dia e passa algum tempo a explorar o imaginário do autor da obra” 

O que aprendemos aqui? Não importa se o livro é um nóbel ou se um monte de lixo, o que não se faz é ler e-books, isso é stressante.

 

"Ajuda a adormecer"

Verdade, adormeço mais depressa quando começo a ler um livro... principalmente se for chato. E vou citar novamente o artigo: "Ler um livro faz mais pelo seu sono do que um computador ou um tablet – a luz emitida pelos ecrãs faz com que esteja acordado durante mais tempo."

Ora aqui está o aparente problema. A luz emitida pelos ecrãs! Ó meu monte de seres vivos que não sabe do que fala, sabiam que há e-readers sem luz? Nem uma pontinha? Que não é possível ler se não existir uma luz acesa? Não! Claro que não porque ler e-books faz mal à saúde.

 

Ler é ‘contagiante’

Claro que é! Ler este artigo escrito por alguém que não percebe ponta de corno daquilo que está a escrever contagiou-me de tal maneira que decidi escrever este post.

Moral da história: proponho ao Sol que aprenda um pouquinho sobre e-books (e e-readers), ou que leiam mais já que (de acordo com o artigo) torna as pessoas mais inteligentes.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.