Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Folha em Branco

Folha em Branco

Dom | 28.03.10

A não esquecer

A não esquecer... não beber o vinho Portal das Hortas, é muito gasoso e seco, só se bebe com uma garrafa de água ou outra de vinho ao lado.

 

Por isso é que se escreve isto a esta hora xD

Qua | 17.03.10

Vou ser sincera e avisar ok?

Quem segue o meu twitter/facebook sabe o que se passou ainda à escassos momentos...

Alguns de vocês sabem que nos conhecemos via internet, em chats, twitter, o quer que seja. Gosto de conhecer pessoas novas e até já fiz amigos pela net, não tenho problemas nenhuns em dizer isso. E de vez em quando lá nos conhecemos pessoalmente. E também ocasionalmente se trocam números de telemóvel. E que este ocasionalmente seja visto como RARAMENTE.

Todos sabem que existem pessoas que dizem um "olá" que é imediatamente seguido por um "és gira, posso conhecer-te melhor?". Isto pode ser o início de uma longa e idiota coisa que se assemelha a uma conversa.

Agradeço a todos os que são assim que não venham sequer abrir a janela do chat do facebook, porque não vale a pena.

Para que fique bem esclarecido passo a enunciar algumas coisas:

- quando digo não é NÃO

- não dou o número de telemóvel, salvo em raras excepções (as pessoas que o têm, sabem porque o têm)

- só dou contacto do msn a pessoas com quem eu veja que vá falar. Não o vou fazer para marcar encontros, cafés, chás, dormidas, jantares, almoços, cinemas, passeios à beira mar em noites de Lua Cheia, curtir, etc. No caso de adicionar a pessoa ao msn e se mostrar um perfeito idiota é bloqueado e apagado da lista na hora.

- se vierem com a frase: "posso conhecer-te melhor?" fiquem a saber que tudo o que disserem a seguir não ficará registado na minha memória

- quem quiser pode deixar os seus números de telemóvel na janelita do  facebook porque se de seguida não vir lá o meu ou receber um toque ou sms no telemóvel é porque o número não passou nem para o meu aparelhito, nem para um papel (mas recebi, não se preocupem)

- etc. etc. etc

 

Agora não me chamem má nem outras coisas desagradáveis. Não sou elitista, snob, convencida. Sou uma pessoa simples que gosta de conversar.

As meninas passam por isto muitas vezes (os gajos suponho que sofram do mesmo mal) e sabem que existem pessoas assim.

Eu aceito praticamente toda a gente no facebook, mas se for para conversas idiotas por favor limitem-se ao silêncio. Sou simpática mas a paciência tem limites. Aviso uma vez e posso avisar até mais duas vezes (um total de 3). Se ao terceiro aviso a coisa continuar na mesma a opção que serve para bloquear pessoas é usada sem problema nenhum.

Posso dizer que neste tempo todo que frequento o facebook só uma pessoa é que me fez usar isso e foi HOJE. Até me deu o número de telemóvel (e do monitor não passou).

Se estiveres a ler... epá... pronto, foi um prazer conhecer-te. És... simpático e tal... mas não senti grande vontade de te conhecer... pronto, vou ser simpática e dizer que estou com sono e que depois desbloqueio-te ok?

Beijinhos fofinhos

Ter | 16.03.10

Anjo criança

Ó anjo criança
que adoras brincar.
Olho para o teu rosto
e perco-me na inocência
que cobre o teu ser.
Proteges os pequenos anjos
que ainda habitam
esta terra corrompida
pelo anjo adulto.
As tuas penas
minhas musas são,
espero conseguir escrever
teus sonhos para que
palavras se tornem gestos
e a inocência retorne
ao mundo onde viveste
no colo da tua mãe.

Alexandra Rolo

Seg | 15.03.10

A Hora

Um segredo bem guardado
bem dentro de meu peito
aguarda-te para sempre.

Saberás quando for Hora...
Hora de partir.
Hora de te deixar
numa terra árida
sem vida, sem amor, sem dor
sem tudo e com nada

Que sentirás quando nada
apenas o nada existir
o vazio da vida miserável
que levo em vida
que jamais levarei comigo
quando for hora...
Hora de partir...
Hora de viver.

 

Alexandra Rolo

Sex | 12.03.10

Verdades

O que é verdade para uns pode não ser para outros. Tudo depende de cada um e do modo como vêm a vida.

Aqui do nosso lado teimamos que os muçulmanos (alguns) estão errados no modo como governam e tratam as suas mullheres, no entanto eles olham para nós e para eles nós é que estamos errados.

Qual dos dois lados é que está correcto? Quem é que tem autoridade suficiente para dizer  que lado é que tem razão?

As pessoas tendem, por vezes demasiado, a dar um sentido a tudo e a colocar tudo "numa caixa com uma etiqueta" e fica-se por aí. Não trocam ideias com pessoas que tenham outras ideologias/ religiões /filosofias de vida e isso é limitador.

Será que as pessoas têm medo do que é diferente? Ou será que simplesmente rejeitam porque sim?

Qua | 10.03.10

Universidade no dia-a-dia

Hoje foi um daqueles dias, um dia em que tudo o que acontecia eu dava outra interpretação e a culpa foi da Bella.

Estávamos nós a fazer um exercício na aula de História Contemporânea da Energia, sobre os Sentidos /significados da palavra “energia” quando eu achei que aquilo se aplicava ao gajo giro que faz de Jacob na saga “Crepúsculo”.

Por culpa da Bella a imagem dele a tirar a camisola de 5 em 5 minutos entranhou-se de tal maneira na cabeça que dei um novo significado ao exercício. Se não acreditam vejam só eu a aplicar a matéria da aula ao corpinho jeitoso do gajo cujo nome nunca sei (mas também o que interessa?).

As propriedades deste sistema podem ser um bocado duvidosas mas eu tenho sempre energia a mais quando vejo a força muscular do rapaz que é uma boa fonte alimentadora. Ele transmite uma energia tão positiva que pode haver um excesso de actividade e fico sem energia em casa. Isto mostra que existe uma relação entre o estado de espírito e as actividades produzidas.

 

O prof não pode dizer que não sei aplicar a matéria no dia-a-dia hehe.

Pág. 1/2

Error running style: Style code didn't finish running in a timely fashion. Possible causes: