Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



MotelX 2017 - coitada da ovelha

por Pantapuff, em 12.09.17

ovelha.PNG

Mais um ano, mais uma ida ao MotelX.

Este ano só vi um filme e foi no regime "o que é que ainda não esgotou?".

De manhã e durante parte da tarde andei a fazer as últimas compras para o cosplay em que estou a trabalhar... e depois de chegar ao São Jorge e comprar o bilhete... o filme escolhido foi Animals.

E por causa de uma ovelha tudo acontece... a história não é entusiasmante, não temos momentos de acção ou de suspense loucos de nos deixar agarrados à cadeira. No entanto ficamos curiosos sem perceber o que é sonho, alucinação ou realidade... drogas não era que ninguém as tomava ali, e bebida pouca ou nenhuma se via... mas afinal o que estava a acontecer? Foi essa a questão que me deixou presa durante o filme... junto com alguns momentos de humor.

Pessoalmente gostei. Foi diferente do que costumo ver e não me aborreceu. Bom guião e um bom elenco. O que se pode pedir mais?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:55

Termina hoje mais uma sessão do MotelX em Lisboa. Ainda não foi este ano que tive a oportunidade de acampar lá durante um fim-de-semana inteiro :(

Fui apenas no sábado e só vi um filme, mas foi uma boa escolha.

musaraas.jpg

Shrew's Nest é um filme espanhol que nos leva aos anos 50 e à casa de duas irmãs sendo que a mais velha é agorafóbica. A mãe havia falecido com o nascimento da filha mais nova e o pai tinha desaparecido. Tudo muda quando o vizinho de cima cai das escadas e pede auxílio a Montse.

Durante o filme acompanhamos o desvendar das origens dos problemas psicológicos de Montse e o revelar da sua verdadeira identidade. Toda a acção passa-se dentro da pequena casa de onde nunca sai. 

É um excelente filme e tem de tudo um pouco conseguindo assim chegar a vários públicos dentro do terror.

A produção esteve nas mãos de Álex de la Iglesia e conseguiu três nomeações para os Goya, incluíndo a de melhor actriz para Macarena Gómez (e bem merecido).

A curta que precedeu o filme, foi o Efeito Isaías de Ramón de los Santos. Não foi a curta que mais me agradou no entanto admito que estava muito bem realizada.

 

Foi uma noite agradável e que deixa sempre vontade de voltar. Os bons filmes são sempre garantidos :)

Vou deixar-vos com algumas das fotos da noite:

11143167_10207065136494045_1647174410532970357_n.j

11219000_10207065137774077_534677551286082727_n.jp

12002216_10207065136294040_3444031049755795200_n.j

12004759_10207065138574097_2116788686842281827_n.j

 

P.S.: obrigado à MINI pelo zombie brutal e pelos chupa chupas ^_^ 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:30

MotelX 2014

por Pantapuff, em 14.09.14

Mais um ano, mais uma estadia no MotelX. Este ano, pela primeira vez não estou a estudar ou a trabalhar durante o Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa. Como tempo era coisa que não faltava decidi ir ver dois filmes e ainda acabei por ver uma sessão de curtas. A companhia foi boa e deu para rever pessoal que já é raro encontrar.

O género do terror pode aparecer em várias formas. Não tem necessáriamente de ter sangue e cabeças cortadas e os dois filmes que vi este ano são a prova de que o terror psicológico pode levar-nos a pensar sem ter de andar a provocar sustos e saltos nas cadeiras do cinema.

 

Coherence é um filme independente com poucos fundos e com um elenco interessante. A história passa-se durante uma noite em que quatro casais se juntam para jantar. Nessa mesma noite está um cometa a passar por cima da terra e coisas estranhas começam a acontecer. 

Todo o elenco usou o improviso para criar a história tendo apenas umas guidelines sobre as suas personagens, desconhecendo as dos outros. Isto resultou numa série de estranhos eventos que levam o espectador a tentar perceber o que está a acontecer e a prever qual o próximo passo a ser tomado.

Nesta longa metragem foi possível rever Nicholas Brendon conhecido por desempenhar o papel de Xander Harris na série televisiva Buffy, the vampire Slayer. A sua personagem conseguiu arrancar várias gargalhadas a quem estava presente na sala pela sua forma de falar e de fazer passar os seus pontos de vista.

Uma boa ideia, trabalhada de uma forma interessante mas a que faltava algo: dinheiro. Este filme com uma bela conta bancária teria tido outros resultados, no entanto é algo a não perder.

 

Open Windows leva-nos ao mundo da internet e a todas as coisas possíveis de fazer à distância. Nick é um blogger fascinado por uma actriz e que acaba por se envolver numa série de problemas quando ela recusa jantar com ele. Chord, um homem que se faz passar pelo manager de Jill (a actriz em questão) ajuda Nick a ver todos os passos da actriz através de várias câmeras colocadas por todo o lado. 

É um filme que leva o espectador a ficar preso ao ecrã e em que toda a atenção é necessária para não se perder um único detalhe. Com um elenco bem escolhido e um argumento espectacular, este é um filme excelente para quem gosta de suspense e acção.

 

Este ano fui também a uma sessão de curtas, mas infelizmente perdi uma (Contactos 2.0).

Dentes e Garras é na verdade uma comédia em que um militar com os copos solta, sem querer, um dinossauro que devora todos os humanos que encontra pelo caminho. Aparece, no entanto, um jovem aprendiz de artes marciais que prova que se pode aprender tudo no YouTube e que põe fim à ameaça. É um daqueles filmes tão maus que consegue ser bom...

Forbidden Room é uma animação que nos conta a já conhecida história do Barba Azul e das suas mulheres curiosas que não resistem a abrir a porta da sala probida.

Gata má é uma história contada por uma menina cujos melhores amigos são gatos. Consegue ser um pouco perturbador ouvir a narração com uma voz quase infantil.

Offline é um filme estranho em que vemos uma mulher a assistir a um filme que é apenas uma mulher sentada numa cadeira a observar um filme. Esta curta deixa o espectador num estado 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:48

MOTELx 2013 - a programação

por Pantapuff, em 19.08.13

O MOTELx vai ser de 11 a 15 de Setembro no local do costume e já se sabe a programação para este ano que copiei daqui para vocês, mas podem já ver também o que vai acontecer no site oficial:

 

SECÇÃO SERVIÇO DE QUARTO
‘ABCs Of Death’ (EUA, Nova Zelândia, 2012)
‘Byzantium’ (Reino Unido, EUA, Irlanda, 2012)
‘Chained’ (Canadá, 2012)
‘Dark Touch’ (França, Irlanda, Suécia, 2013)
‘Kiss Of The Damned’ (EUA, 2012)
‘Painless’ (Espanha, França, Portugal, 2012)
‘The Complex’ (Japão 2013)
‘The Conjuring’ (EUA, 2013)
‘The Lords Of Salem’ (Reino Unido, EUA, Canadá, 2012)
‘V/H/S/ 2′ (EUA, 2013)

SECÇÃO LOBO MAU
‘Mighty Joe Young’ (EUA, 1949)
’20 Million Miles to Earth’ (EUA, 1957)
‘Jason And The Argonauts’ (EUA, 1963)
‘One Million Years B.C.’ (Reino Unido, 1963)
‘O Estranho Mundo de Ray Harryhausen’

SECÇÃO QUARTO PERDIDO
‘Crime de Aldeia Velha’ (Portugal, 1964)
‘A Promessa’ (Portugal, 1973)

PRÉMIO YORN MOTELx – MELHOR CURTA DE TERROR PORTUGUESA 2013
‘Bilis Negra’ (Portugal, 2013)
‘O Coveiro’ (Portugal, 2013)
‘Desespero’ (Portugal, 2013)
‘Hair’ (Portugal, 2012)
‘A Herdade dos Defuntos’ (Portugal, 2013)
‘Longe do Éden’ (Portugal, 2012)
‘Monstro’ (Portugal, 2013)
‘Nico – A Revolta’ (Portugal, 2013)
‘Sara’ (Portugal, 2012)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:02

Motelx 2012

por Pantapuff, em 15.09.12

Mais um ano, mais uma ida ao cinema São Jorge para mais uma visitinha ao motelx.
Este ano levei um virgem comigo e fomos ver o Emergo. Tinha medo de que fosse adormecer como aconteceu com o Paranormal Activity mas afinal aquilo até foi giro.
Como estou curta de tempo vou remeter-vos para o site http://www.motelx.org/ Se ainda puderem ir aproveitem que têm muito por onde escolher.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:44



Alexandra Rolo | Pantapuff

Capturar.PNG


Nascida em 1989, em Lisboa e com uma infância marcada por demasiados filmes de ficção científica é formada em História Moderna e Contemporânea (ISCTE-IUL), História Religiosa (FLUL) e Gestão Cultural (ISCTE-IUL). Conhecida online enquanto Pantapuff, é blogger desde 2005 e tem colaborado em diversos projectos online, normalmente ligados às áreas da literatura (fantástica e FC) e da internet. Hoje faz do online a sua vida, trabalhando como gestora de redes sociais. Youtuber, bookworm, cosplayer, nerd, Potterhead e Whovian assumida é normalmente vista de phones, telemóvel, iPad e Kindle. O seu maior medo é ficar sem bateria ou perder o acesso à internet.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.