Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

The Concubine

por Pantapuff, em 18.07.17

The_Concubine-poster.jpg

Dirigido por Kim Dae-seung, The Concubine, é um filme histórico Sul Coreano e passa-se na dinastia Joseon.

Hwa-yeon torna-se concubina contra a sua vontade, como tantas outras ao longo da história... Um triângulo amoroso e as intrigas de um harém que chegam a fazer correr sangue... 

Este filme é uma delícia para os olhos pela riqueza dos espaços e do guarda roupa além de ter excelentes actores. No entanto é preciso um certo estado de espírito para aguentar o ritmo relativamente lento da história.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:00

Postas de pescada em menos de 5 linhas

por Pantapuff, em 17.07.17

São uns quantos os filmes que tenho visto e a vontade de escrever posts longos está longe numa galáxia muito muito distante e por isso hoje os filmes são comentados em modo twitter ;

 

Lift me up

Depois de perder a mãe e ficar a cargo do padrasto que lhe impõe regras rígidas é o caos instalado em casa e a dança é deixada de lado com um sentimento de culpa sempre  agarrado a essa paixão.

 

A Second Chance 

É um bom filme, uma boa opção para uma tarde de fim-de-semana e que é quase inspirador mas não demasiado... 

 

Star Wars - Rogue One

Já vi tarde e a más horas mas deixou-me colada ao ecrã. A actriz principal podia ser melhor mas já vi piores.

 

I am number four

Não li os livros mas também não fiquei com vontade de o fazer. Clichés  bem colados numa história pastilha elástica.

 

The Silenced

Uma jovem vai para um colégio onde tem de sobreviver além de aprender a ser uma senhora... uma história viciante e que não nos deixa parar nem para ir à casa de banho.

 

Monte Carlo

Uma vez mais Selena Gomez mostra ser boa para comédia. Ainda assim não salva o péssimo guião que lhe entregaram.

 

Dance Off

Eu que adoro tudo o que tenha música e dança fiquei altamente desapontada com este filme. Aborrecido e sem nada de novo nem sequer apresenta coreografias memoráveis.

 

Full out

Depois de um acidente uma ginasta com um futuro brilhante pela frente é forçada a encontrar uma alegria na vida. Com clichés mais ou menos comestíveis o filme vê-se bem e parece acabar depressa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:00

The Mermaid

por Pantapuff, em 13.07.17

hqdefault.jpg

 

Dirigido por Stephen Cow, tem Chao Deng, Yun-Lin e Lin Yun nos papéis principais.

Esta comédia conta-nos a história de um projecto liderado por Liu Xuan que tinha como objectivo a recuperação do mar ameaçando assim a existência das sereias. Shan foi a sereia que melhor conseguiu disfarçar-se e passar por humana e por isso foi a escolhida para a tarefa de matar o responsável por tal "calamidade". No entanto acaba por se apaixonar pelo seu alvo o que leva ao início de uma caça às sereias...

Ponto awesome: a sereia avózinha que kicks butt :p

Excelente para rir de tanto nonsense que tem em toda a história mas está bem longe de ser um filme que me apeteça voltar a ver.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:34

Beauty and the Beast

por Pantapuff, em 23.03.17

eu_batb_flex-hero_header_r_430eac8d.jpeg

 

Era tudo o que eu queria e mais mais!

Não aguentei muito para ver o filme. Não fui na estreia nem na sexta-feira porque o trabalho era algum mas logo no sábado corri para a sessão da noite que me deixaria ver o filme em inglês.

Primeiro, heaven! Não havia criancinhas na sala (vi umas 5 no final do filme mas nem dei por elas :D). 

Chorei que nem um bebé mas a moça ao meu lado matou um par de pacotes de lenços... pelo menos não estava sozinha.

beauty-and-the-beast-2017.jpg

Emma Watson é a Belle perfeita! Adorei todas as alterações a nível estético nas personagens. Fazem todo o sentido quando a ideia é dar um toque "mais moderno" ao filme, tal como foi feito com a Cinderella. Aqui o vestido amarelo, apesar de controverso, é perfeito para a personagem que temos. Ela não é uma princesa. É a tipa desenrascada que quer ler e passear e dar de comer às galinhas nos tempos livres! Não precisa de uma tonelada de tule por baixo de outras tantas de chiffon!

Todas as animações condiziam bem com os cenários e a sua interacção com os actores estava perfeita.

Adorei a nossa personagem gay. Já no filme original sempre me deixou a ponderar "será"? E foi giro ver essa dica mais óbvia neste remake.

14045953_10157641006705508_2659834942545185816_n.j

Óbvio que não é igual ao clássico da Disney mas este filme é tudo aquilo que eu esperava e muito muito muito mais.

O elenco é maravilhoso e a banda sonora não fica atrás.

 

AGORA... vamos às reclamações...

beauty-and-beast-mob.jpg

Mas afinal quem foram os seres vivos (que são a definição de incompetência) que fizeram e aprovaram as legendas deste filme!?

Eu não tenho qualquer necessidade de ler legendas, mas quando as letras são do tamanho de elefantes é quase impossível não reparar nelas... e pior: nas grandes falhas de tradução.

O ocasional pontapé nos tomates do Camões é normal acontecer e todos somos humanos... mas traduções que nada têm a ver com o que está a ser dito, frases mal construídas, erros de português pelo meio. Gente... era assim tão difícil fazer bem o único trabalho que tinham em mãos? TODAS as personagens têm uma boa dicção. Mas erros de tradução acontecem... mas quem é que aprovou aquilo!?

É completamente vergonhoso apresentar aquele trabalho e isso viu-se na sala onde estive. Em determinadas alturas apenas alguns se riam enquanto outros ficavam no mais absoluto silêncio sendo a razão a legenda. Quando olhei nem dizia o mesmo que o que tinha acabado de ouvir.

 

Enfim... tristeza... com tanta a gente boa a precisar de trabalho metem-me isto a legendar Disney. 

 

E pronto. É isto. Desculpem ter demorado quase uma semana, mas não consegui mesmo escrever antes. E QUERO VER ESTE FILME ATÉ ENJOAR :D

emma-watson-beauty-and-the-beast-759.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:11

La la Land

por Pantapuff, em 27.02.17

Já vi o filme no dia 14 de Fevereiro mas o fim irritou-me de tal forma que não consegui comentar.

Antes de continuar: NÃO VOU COMENTAR O FAIL DESTA NOITE. Pronto, vamos lá a uma breve posta de pescada (que foi escrita ontem xD)

LaLaLand-1.jpg

Fui ver o filme sabendo apenas que era um musical moderno. Não sabia quem era o elenco, o que acontecia, ... nadinha (ok sabia também o título).

Relativamente à história não há muito a dizer. É uma história de amor que começa com o pé esquerdo e acaba comigo revoltada (*hmpf*). A banda sonora é muito boa. Gostei das letras e da música. O início deixou logo a malta animada e com vontade de cantarolar junto com o elenco. 

É uma boa homenagem aos musicais que tanto gosto de ver, no entanto não sei se será um filme que mereça tantas nomeações. Achei também um filme com pouca música tendo em conta o género em que se enquadra. Por outro lado a coreografia era muito boa.

É um bom filme e que devia entrar na lista de filmes obrigatórios a ver este ano ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:14



subscrever feeds


Alexandra Rolo | Pantapuff

Untitled-3.png


Nascida em 1989, em Lisboa e com uma infância marcada por demasiados filmes de ficção científica é formada em História Moderna e Contemporânea (ISCTE-IUL), História Religiosa (FLUL) e Gestão Cultural (ISCTE-IUL). Conhecida online enquanto Pantapuff, é blogger desde 2005 e tem colaborado em diversos projectos online, normalmente ligados às áreas da literatura (fantástica e FC) e da internet. Hoje faz do online a sua vida, trabalhando como gestora de redes sociais. Youtuber, bookworm, cosplayer, nerd, Potterhead e Whovian assumida é normalmente vista de phones, telemóvel, iPad e Kindle. O seu maior medo é ficar sem bateria ou perder o acesso à internet.



Links

Outras Folhas


Alexandra's bookshelf: read

Edge of SweetnessLynda's LaceA Change of SeasonsA wet & wild nightReligions of the WorldLégendes : Créatures fantastiques

More of Alexandra's books »
Book recommendations, book reviews, quotes, book clubs, book trivia, book lists

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.