Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Desculpas

por Pantapuff, em 18.09.14

Anda tudo a pedir desculpa... a justiça pede desculpa, a educação pede desculpa... quem será o próximo? A cultura? Não me parece, se assim fosse teria de pedir desculpas por mais coisas além da pastinha.
Aparentemente andam todos de consciência pesada, a pedir mil perdões por erros que cometeram sem querer. Afinal de contas errar é humano. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:50

Educar - Centenário da República

por Pantapuff, em 16.02.11

 

A exposição Educar. Educação para todos. Ensino na I República foi inaugurada hoje no Palácio Valadares (Largo do Carmo, Lisboa) pelas 17horas.

Uma linda cerimónia que envolveu um pianista e dois cantores.

A exposição em si é constituída por um total de 11 salas todas elas diferentes e muito ricas tanto em peças como em tecnologia. Aconselho a visita. De todas as que estiveram em Lisboa (Viva a República, Corpo e Viajar) esta é sem dúvida a de que mais gosto.

Tal como as outras, funciona toda a semana (incluindo feriados) das 10h às 18h e a entrada é gratuíta.

Para mais informações podem consultar o site da CNCCR.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:46

Propinas

por Pantapuff, em 21.10.08
Como todos os estudantes do ISCTE sabem, agora somos uma fundação.
No início do ano estava eu e uns colegas a ter uma conversa, quando o tema chegou às propinas. Uma colega disse-me que as propinas não iriam aumentar uma vez que já pagávamos propina máxima.
Pois para o caso de alguém ainda não saber, esqueçam a propina máxima (algo de que já desconfiava) porque as propinas este ano para os alunos de licenciatura são um total de 1002€.
AH pois é...
Agora cobram o que querem.
Temos uma AE para quê?? Não fazem nada? Não se queixam? Passam a vida a fazer manifes e agora não fazem nada quando temos de pagar uma conta horrível???????
Onde está o tão falado ensino gratuito? E depois admiram-se que há poucas pessoas as frequentar a universidades, com estes preços quem é que se aguenta??
Propinas, passe, comida, fotocópias, livros, tinteiros, papel, material informático,...quem é que aguenta???
Vá estudantes universitários, vamos nos unir e formar uma comuna e lutar todos juntos pelos nossos direitos! Mais de MIL EUROS de propinas este ano??? Nem quero ver a conta do próximo, mas uma coisa é certa. Se puder, faço mestrado NOUTRA FACULDADE. Por muito que goste do meu iscas não há carteira que aguente...sorry

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:50

Trabalhos universitários

por Pantapuff, em 02.10.08

Este post é para vos ensinar a elaborar um trabalho para a faculdade.

1.Senta-se numa cadeira confortável em frente ao computador.

2. Entra no MSN e ICQ (imediatamente!). Vê o teu e-mail.

3. Lê cuidadosamente o enunciado, para teres a certeza do que tens de fazer.

4. Vai até às máquinas e compra um chocolate para te ajudar na concentração.

5. Vê o teu e-mail

6. Liga a um(a) amigo(a) e pergunta se quer ir tomar um café. Apenas para te preparares para trabalhar.

7. Quando voltares para o teu quarto, senta-te direito, numa cadeira confortável.

8. Lê novamente o enunciado do trabalho para ter a certeza do que tens de fazer.

9. Verifica o teu e-mail.

10. Lembras-te que não escreveste àquele amigo que conheceste no campo de férias no 4ºano. É melhor escrever a carta para te poderes concentrar.

11. Olha para os teus dentes no espelho da casa de banho.

12. Saca uns mp3's do kazaa.

13. Verifica o teu e-mail. SOA-TE FAMILIAR?!

14. Fala no msn com os teus amigos sobre o futuro (planos para o Verão).

15. Verifica o teu e-mail.

16. Ouve os mp3 que sacaste e faz download de mais alguns.

17. Liga ao teu amigo do andar de baixo/cima e pergunta se já começou a fazer o trabalho. Troca opiniões sobre o professor, a faculdade e claro, o mundo.

18. Vai até ao café e compra uma caixa de pastilhas. Provavelmente já não tens nenhumas.

19. Já que tens pastilhas mais vale comprar uma revista para ler.

20. Verifica o teu e-mail.

21. Vê os jornais e vê se não perdeste alguma coisa interessante na tv.

22. Joga solitário (ou age of legends!).

23. Vê bored.com.

24. Lava as tuas mãos.

25. Liga a um colega para ver o quanto é que já fez, provavelmente ainda nem começou.

26. Vê o álbum de fotografias do teu companheiro de quarto. Pergunta quem são as pessoas que estão nas fotografias.

27. Senta-te e pensa seriamente sobre quais são os teus planos para o futuro.

28. Verifica se bored.com já foi actualizado.

29. Verifica o teu e-mail e ouve os teus mp3 novos.

30. Devias reiniciar agora.

31. Volta a ler o enunciado apenas para recordar.

32. Põe a cadeira perto da janela do quarto e vê o nascer do sol.

33. Olha para o chão e resmunga.

34. Bate com o punho na parede e parte qualquer coisa.

35. Verifica o teu e-mail.

36. Murmura obscenidades.

37. 5 horas da manhã - começa a fazer o trabalho sem parar. 6 horas da manhã - o trabalho está acabado.

38. Queixa-te a toda a gente que não dormiste porque tiveste a fazer a porcaria do trabalho.

39. Vai à aula, entrega o papel ao professor e sai imediatamente para poderes dormir uma sesta.

retirado de: http://www.aeiscte.pt/?s=8&ss=18

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:57

Dia do Diploma

por Pantapuff, em 12.09.08
Agora voltou o dia do diploma, que se destina a premiar os melhores alunos (atenção) das áreas das ciências.
Mas que merda é esta?
Só os alunos do primeiro agrupamento é que estudam? Ciências Sociais, letras e artes...não existem é?
Um país com tradição literária esquece isso? A e tal em artes basta fazer um boneco e já está, em letras basta saber ler...mas que porra é esta???????????
Concordo que os melhores alunos devam ser premiados de algum modo, mas acho também que deviam ser os melhores alunos de TODAS as áreas.
Então como é que é? O país só precisa de médicos, cientistas,... não precisa de arquitectos, homens e mulheres de letras,...
Está mal! E fiquei chocada e chateada quando ouvi o raio da notícia na tvi (este canal porque infelizmente é o que a minha mãe insiste em ver).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:30



Alexandra Rolo | Pantapuff

Capturar.PNG


Nascida em 1989, em Lisboa e com uma infância marcada por demasiados filmes de ficção científica é formada em História Moderna e Contemporânea (ISCTE-IUL), História Religiosa (FLUL) e Gestão Cultural (ISCTE-IUL). Conhecida online enquanto Pantapuff, é blogger desde 2005 e tem colaborado em diversos projectos online, normalmente ligados às áreas da literatura (fantástica e FC) e da internet. Hoje faz do online a sua vida, trabalhando como gestora de redes sociais. Youtuber, bookworm, cosplayer, nerd, Potterhead e Whovian assumida é normalmente vista de phones, telemóvel, iPad e Kindle. O seu maior medo é ficar sem bateria ou perder o acesso à internet.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.