Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Educar - Centenário da República

por Pantapuff, em 16.02.11

 

A exposição Educar. Educação para todos. Ensino na I República foi inaugurada hoje no Palácio Valadares (Largo do Carmo, Lisboa) pelas 17horas.

Uma linda cerimónia que envolveu um pianista e dois cantores.

A exposição em si é constituída por um total de 11 salas todas elas diferentes e muito ricas tanto em peças como em tecnologia. Aconselho a visita. De todas as que estiveram em Lisboa (Viva a República, Corpo e Viajar) esta é sem dúvida a de que mais gosto.

Tal como as outras, funciona toda a semana (incluindo feriados) das 10h às 18h e a entrada é gratuíta.

Para mais informações podem consultar o site da CNCCR.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:46

Este ano celebra-se o Centenário da República portuguesa.

Para comemorar a Implantação da República a 5 de Outubro de 1910, 4 de Outubro em algumas zonas do país como Loures, vou escrever algumas palavras em vários posts ao longo destes meses. Alguns destes textos serão sobre as exposições que estão a decorrer/vão abrir na zona de Lisboa.

Quanto às que vão abrir ainda não posso adiantar muito porque ainda não as visitei, mas uma delas já vi, até porque tive de lá ir (logo juntei o útil ao agradável).

 

 

A exposição VIVA A REPÚBLICA encontra-se na Cordoaria Nacional de segunda a domingo e a entrada é livre.

Aconselho a que levem um lanchinho e umas bebidas porque se querem ver a exposição vão demorar uma média de duas horas. É muito eu sei, mas quando estiverem lá dentro não vão dar pelo tempo a passar.

Dentro da Cordoaria podem encontrar desde imagens, a filmes, zonas interactivas e muito mais.

A exposição está muito bem organizada e é boa para quem não sabe nada sobre o assunto. Mas atenção, o facto de ser acessível não quer dizer que seja demasiado simplificada. Adequa-se a qualquer pessoa que visite este espaço.

As salas são amplas e bem identificadas. Os assistentes são prestáveis e estão preparados a responder às questões dos visitantes.

É um bom programa para passar uma tarde em família e ainda aprender qualquer coisa sobre a história do nosso país à beira mar plantado.

Para mais informações basta irem ao site da Comissão Nacional.

 

Em breve voltarei com este tema e a exposição Corpo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:47

Coelhos, Ovos e Páscoa

por Pantapuff, em 12.04.09
Acho esta época do ano muito engraçada.
Ainda agora deixámos o velhote de vermelho e já andamos agarrados a coelhos que põem ovos de chocolate.
Mas será que as pessoas ainda não perceberam que os coelhos não têm nada a ver com este feriado católico?
Estamos num país católico e celebramos as coisas à maneira pagã...isto sim é uma observação engraçada de se fazer. Mas é verdade. O coelho e o ovo são símbolos de fertilidade da deusa pagã Eostre. Esta deusa deu origem à celebração das colheitas chamada Ostara, que foi celebrada no passado dia 21 de Março (primeiro dia de Primavera).
Já agora, para os que não sabem, ainda há uma aldeia no norte do país que ainda celebra a festa das colheitas durante a época da Páscoa.
Como alguns sabem (e os que não sabem passam a saber) praticamente todos os feriados e celebrações da Igreja Católica são adaptações de celebrações pagãs.
Por isso bora lá celebrar feriados católicos de maneira pagã!
Todos a rezar por Cristo e a comer coelhinos e ovinhos de chocolate xD

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:39



Alexandra Rolo | Pantapuff

Capturar.PNG


Nascida em 1989, em Lisboa e com uma infância marcada por demasiados filmes de ficção científica é formada em História Moderna e Contemporânea (ISCTE-IUL), História Religiosa (FLUL) e Gestão Cultural (ISCTE-IUL). Conhecida online enquanto Pantapuff, é blogger desde 2005 e tem colaborado em diversos projectos online, normalmente ligados às áreas da literatura (fantástica e FC) e da internet. Hoje faz do online a sua vida, trabalhando como gestora de redes sociais. Youtuber, bookworm, cosplayer, nerd, Potterhead e Whovian assumida é normalmente vista de phones, telemóvel, iPad e Kindle. O seu maior medo é ficar sem bateria ou perder o acesso à internet.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.