Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Quando decidi pintar o cabelo de vermelho sabia que seria difícil de tirar a não ser que a outra cor estivesse na gama dos castanhos. Depois de muito pensar decidi que iria tirar partido da pele branquinha e pintar de laranja acobreado.

1.PNG

 

Esta era a cor do meu cabelo. Vermelho intenso. Nunca tinha sido descolorado na vida e já andava a levar banhos de tinta vermelha quase há 3 anos... mais entranhado que isto só a raíz nascer logo vermelha também :p

2.PNG

 

Após a primeira descoloração notei alguma diferença, o cabelo ganhou um tom mais alaranjado, no entanto o vermelho ainda era muito visível. Tenho o cabelo muito comprido e cheguei à conclusão que mais uma descoloração não seria suficiente... ou pelo menos mais um frasco.

Cerca de 3 semanas e meia depois...

3.PNG

 

Dividi o cabelo ao meio e foi um frasco para cada metade e deixei o máximo de tempo permitido. Ficou um efeito... interessante... Louro nas raízes, laranja no meio e um tom mais vermelho nas pontas... parecia quase a escala de amarelos que se faz quando aprendemos a usar tinta em EVT :p

 

Alguns dias depois lá peguei no acobreado intenso da Olia e rezei para que ficasse como eu queria. Foi este o resultado:

4.PNG

Missão cumprida! Adorei a nova cor e a forma como brilha quando lhe bate o sol. Acabo por estar ainda dentro da mesma gama de cores no entanto uns quantos tons abaixo. Confesso que apesar de adorar o meu cabelo vermelho estava na altura de mudar. 

A mudança calha bem porque estou também a preparar um cosplay de uma princesa da Disney e assim não tenho de comprar peruca. Consigo continuar a fazer a minha querida Poison Ivy também já que em vários desenhos ela aparece com o cabelo laranja.

 

E vocês? O que acham da mudança?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

De caracóis, a esfregona, a algo decente

por Pantapuff, em 12.12.14

Eu tenho um deep dark secret. O meu cabelo é estupidamente encaracolado. Durante anos lutei contra os caracóis até que finalmente aprendi a fazer deles alguma coisa minimamente decente. Como sempre usei o cabelo comprido... já estão a ver a cena: cabelo comprido + caracóis + vento = esfregona. Também podia substituir o vento por algo simples: uma escova de cabelo.

Descobri recentemente um óleo da garnier que me permite ter os caracóis bonitos e manter o cabelo "fofo", mas convém pentear o cabelo a seguir, ainda antes de estar completamente seco or...

hair.png

 Decidi mostrar-vos o meu pequeno drama em fotografias. Bonito hein?
Ora bem, a primeira foto é como fica o meu cabelo se o pentear mas se não secar totalmente antes de me deitar. Os caracóis ficam esquisitos e é complicado de pentear. Se passar a escova fico com o cabelo como está na segunda fotografia. Volume que nunca mais acaba e a única solução era prender o cabelo. Nestas alturas, caso tenha de ir a algum sítio mais formal (e se tiver tempo) opto por esticar o cabelo. Passo o protector de calor e toca a usar o meu ferro da philips.

 

E vocês? Têm dramas semelhantes?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:30

Cabelo escuro, rosa e roxo

por Pantapuff, em 21.03.14

É verdade venho finalmente mostrar o resultado da mudança de cor e não, não pintei de rosa e roxo!
Como podem ver ficou bem mais escuro do que estava apesar de ainda se notar bem o tom de vermelho. Acaba por ser um tom mais "sóbrio" que se adequa um pouco à minha vida neste momento.
Precisava de mudar e senti a necessidade de escurecer. Ainda ponderei o preto mas para já fica assim.

Opinião pessoal? ADORO! Não podia estar mais feliz com o resultado final. 

Ontem, assim como que inspirada pela cor nova decidi arriscar e optei por usar um tom de rosa bastante vivo nos lábios e a minha écharpe (que ainda não tinha usado) e sabrinas roxas.

O batom é da nova linha d' O Boticário Intense Pop na cor Rich. Adorei a forma como fica. Acho que se tivesse o cabelo com a cor anteior e se fosse um pouco mais morena seria muito "berrante" mas assim, está perfeito (opinião pessoal :p). Ainda tenho outro para experimentar da mesma linha... can't wait!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:03

Estou a tentar manter a casa actualizada, estou a portar-me bem... 

Bom vocês sabem que tinha o cabelo da cor vermelho extintor (adorei esta descrição da minha cor de cabelo, feita por um moço do facebook) desde Abril de 2013. 
Pois bem... está na hora de mudar novamente. Já tinha dito no facebook as minhas intenções de adoptar uma tonalidade mais escura, mas ainda dentro do tom vermelho. Apetece-me escurecer um pouco e adoptar um tom que seja um pouco mais "sóbrio"...

Ontem já fiz a mudança. Optei pelo vermelho jaspe da Bellady. Tenho ouvido maravilhas desta tinta que é uma espuma muito fácil de colocar. 

Ora bem, realmente é uma espuma gira, muito fácil de usar e não escorre. Para quem está habituada a usar tinta mais líquida fez-me confusão. Parecia que não estava a pôr nada no cabelo, mas depois quando começou a secar notei que afinal tinta era coisa que não faltava ali. Outra coisa de que não gostei muito foi do cheiro estranho que ficou no cabelo. Não sei se é por estar habituada à Olia da Garnier ou por ter o nariz um bocado sensível, mas não gostei muito. Ao retirar a tinta senti o cabelo muito seco o que também não me agradou, mas depois o produto que se coloca resolveu um pouco esse problema. A última tinta que usei foi a da Syoss e teve um estranho efeito no meu cabelo (deixou-o um pouco oleoso), por isso vamos lá ver como corre com a Bellady ou se tenho de voltar para a Garnier...

Ainda não vos vou mostrar os resultados, até porque ainda não tirei foto, logo trato disso...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:58

Como vocês sabem não sou naturalmente ruiva (duh xD) e tenho de ter alguns cuidados com o meu cabelo. Fiz este video post para tentar responder a algumas das perguntas que me têm feito, espero que gostem:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:49



Alexandra Rolo | Pantapuff

Capturar.PNG


Nascida em 1989, em Lisboa e com uma infância marcada por demasiados filmes de ficção científica é formada em História Moderna e Contemporânea (ISCTE-IUL), História Religiosa (FLUL) e Gestão Cultural (ISCTE-IUL). Conhecida online enquanto Pantapuff, é blogger desde 2005 e tem colaborado em diversos projectos online, normalmente ligados às áreas da literatura (fantástica e FC) e da internet. Hoje faz do online a sua vida, trabalhando como gestora de redes sociais. Youtuber, bookworm, cosplayer, nerd, Potterhead e Whovian assumida é normalmente vista de phones, telemóvel, iPad e Kindle. O seu maior medo é ficar sem bateria ou perder o acesso à internet.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.